Blog Página 515

Ministério confirma 16 casos de zika vírus no país

0

O Ministério da Saúde confirmou nesta quinta-feira (14) um total de 16 casos de zika vírus no país – oito na Bahia e oito no Rio Grande do Norte. A doença é transmitida por meio da picada do Aedes aegypti, mesmo mosquito transmissor da dengue.

As amostras foram encaminhadas aos laboratórios de referência do Instituto Evandro Chagas e ao Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos para avaliação. Análises feitas pelo Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Federal da Bahia já haviam indicado resultado preliminar para a presença do vírus.

O zika vírus foi isolado pela primeira vez em 1947, a partir de amostras de macacos usados como sentinelas para a detecção da febre amarela, na Floresta Zika, em Uganda. Ele é considerado endêmico no leste e oeste do continente africano e há registro de circulação esporádica também na Ásia e na Oceania.

Nas Américas, ele já havia sido identificado na Ilha de Páscoa, território do Chile no Oceano Pacífico, em 2014. Casos importados foram descritos no Canadá, na Alemanha, na Itália, no Japão, nos Estados Unidos e na Austrália.

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, disse que o governo brasileiro já trabalhava com a possibilidade de entrada do vírus no país em razão do alto fluxo de turistas estrangeiros durante a Copa do Mundo, no ano passado.

Segundo o ministério, o zika vírus tem evolução benigna, caracterizada por febre baixa, olhos vermelhos sem secreção e sem coceira, dores nas articulações e erupção cutânea com pontos brancos e vermelhos, além de dores musculares, dor de cabeça e dor nas costas.

Ainda de acordo com a pasta, a doença tem um período de incubação de cerca de quatro dias e os sinais e sintomas podem durar até sete dias. A maior parte dos casos não apresenta sintomas e não há registro de morte associada. O tratamento é sintomático com uso de paracetamol para febre e dor, conforme orientação médica. Não está indicado o uso de ácido acetilsalicílico e de drogas anti-inflamatórias por conta do risco aumentado de complicações hemorrágicas, como também ocorre com a dengue.

Da Redação do Blog do Edy.com.br

Vet Clínica

Vereador Cleber solicita Operação Tapa Buraco. A Cidade está Um Caos.

0

Na última Sessão Ordinária o vereador Cleber Cunha, apresentou uma indicação solicitando ao prefeito Cezar Rodrigues (PMDB)  que providenciei um serviço de REMENDO E RECUPERAÇÃO DOS BURACOS OU OPERAÇÃO TAPA BURACOS nas Ruas e Avenidas de Ouricuri, pois, há um caos na nossa cidade.

Justifica-se o pedido pela grande quantidade de buracos existentes nas vias urbanas, não escapando sequer um bairro ou uma rua, devido às intempéries, ao uso pelo tráfego de veículos, a problemas estruturais, por falta de manutenção de anos de abandono e a idade do pavimento acabam se desgastando ou apresentando vários defeitos.Existe alguns problemas ocasionados por esses buracos nas vias urbanas, tais como, afeta diretamente diretamente o tráfego diminuindo a velocidade de tráfego, mudando de rota dos veículos dentro das vias urbanas, ocasionando acidentes, aumenta o custo do transporte, afetando a segurança e o conforto dos usuários.

Da Redação do Blog do Edy.com.br/ Gabinete do Vereador

Neto Móveis

Anísio Brasileiro é reeleito ao cargo de reitor da UFPE

0

No segundo turno da disputa para o cargo de reitor da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), foi reeleito o professor Anísio Brasileiro de Freitas Dourado, do Departamento de Engenharia Civil. Seu concorrente foi o professor Edilson Fernandes, do Departamento de Educação Física. Após o balanço de 100% das urnas apuradas, Anísio ficou com 60,39% dos votos, e Edilson teve 33,66%. Os votos nulos somam 4,16% e votos brancos, 1,79%. No novo mandato, Anísio Brasileiro deve dirigir a unidade de ensino até 2019.

No primeiro turno, que aconteceu no último dia 29, Anísio alcançou a marca de 1.039 votos entre os docentes, 1.082 votos entre os técnicos administrativos e 3.664 entre os alunos. Já Edilson conseguiu 188 votos de docentes, 835 votos de técnicos administrativos e 2.796 votos de alunos.

Foram utilizadas 78 urnas eletrônicas, que foram cedidas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). As votações seguiram tranquilamente, das 9h até às 21h, momento em que foi dado início a contagem dos votos. Além disso, também foram utilizadas nove urnas manuais cujos votos foram contados pelos membros da Comissão Eleitoral nos respectivos centros e os boletins de urna, enviados para a coordenação geral no Recife.

Da Redação do Blog do Edy.com.br

Feira agroecológica de Ouricuri será reativada para comercialização de mais de 40 produtos da agricultura familiar

0

Está prevista para a primeira semana de junho a reativação da feira agroecológica de Ouricuri. O espaço que funcionará aos sábados será local de comercialização dos produtos da agricultura familiar agroecológica do município e contará com mais de 40 produtos diferentes entre legumes, artesanato, doces, plantas medicinais e comidas caseiras.

Neste sentido, na manhã desta segunda-feira, 11, foi realizada uma reunião de planejamento com 29 agricultores e agricultoras familiares de 11 comunidades rurais e técnicos do Caatinga, representantes do Fórum de Mulheres do Araripe, Grupo de Mulheres Jurema, Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), Cooperativa de Crédito do Araripe (Cresol), Centro de Produtores Agroecológicos do Araripe (Copagro) e da Associação de Apicultores de Ouricuri (AAPIO).

Durante a conversa, segundo a Coordenadora do Programa de Agroecologia e Convivência do Caatinga, Irlânia Fernandes “as famílias expressaram com alegria a sua produção agroecologica e reafirmaram a importância das tecnologias sociais de captação e armazenamento de água, das trocas de conhecimentos entre agricultores e parceiros, como fatores que vêm contribuindo para fortalecer a organização social e as atividades produtivas familiares”.

Com a reativação da feira que deixou de ser montada há meses devido a estiagem são várias as expectativas das famílias, as quais vão desde a divulgação até a comercialização de produtos saudáveis, que ressaltam a diversidade produtiva das comunidades. A ampliação das trocas de conhecimento entre as famílias e consumidores também é outro fator que ajudará no fortalecimento da comercialização justa e solidária, e do consumo consciente. A previsão é de que a feira agroecológica seja reinaugurada no dia 06 de junho, durante a semana do meio ambiente.

A ação tem o apoio do Projeto Novas Rendas Sertanejas patrocinado pela Petrobras e do Projeto Venda Certa – redes Ecoforte que tem apoio da Fundação Banco do Brasil e BNDES. Os dois projetos são executados pelo Caatinga, e apoiam as feiras agroecológicas, sendo que o último executa atividades voltadas principalmente ao fortalecimento da rede de agricultores agroecológicos do Araripe.

Da Redação do Blog do Edy.com.br/ASCOM

Emenda: Câmara aprova alternativa a fator previdenciário

0

Apesar de conseguir aprovar a segunda medida provisória do seu pacote de ajuste fiscal, o governo Dilma Rousseff sofreu nova derrota na noite desta quarta-feira (13) no plenário da Câmara dos Deputados.

Por 232 votos a 210, os deputados aprovaram uma alternativa ao chamado fator previdenciário, criado pelo governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB) para retardar as aposentadorias de quem deixa o serviço mais cedo.

A emenda foi aprovada à MP 664, que mais cedo havia sido aprovada por 277 votos a 178. A medida tem que ser aprovada ainda pelo Senado e sancionada pela presidente Dilma para entrar em vigor.

O governo, porém, é contra, e havia proposto aos deputados que esperassem uma proposta alternativa em até 180 dias.

O Palácio do Planalto já havia acertado com as centrais sindicais a instalação de um fórum para debater opções ao fator.

A emenda aprovada é do deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP). Ela propõe como alternativa ao fator previdenciário o chamado fator 85/95 -a soma, para mulheres e homens, respectivamente, da idade mais o tempo de contribuição.

Caso o trabalhador decida se aposentar antes de atingir essa marca, a emenda determina que a aposentadoria continue sendo reduzida pelo fator previdenciário.

A medida valeria a partir de 2016.

“O José Guimarães [do PT do Ceará, líder do governo na Câmara] quer que eu retire a emenda para que possamos acabar com o fator previdenciário de vez. Não dá para acreditar nisso, gato escaldado tem medo de água fria”, afirmou Faria de Sá antes da votação. Ele foi procurado o dia inteiro por Temer, mas se recusou a atender o vice-presidente.

“O governo tem consciência de que tem que buscar uma alternativa”, afirmou Guimarães.

AUXÍLIO-DOENÇA

O governo sofreu uma segunda derrota na noite desta quarta, durante a votação da medida que restringe o acesso à pensão por morte e muda as regras do auxílio-doença. Deputados votaram a favor de uma emenda que retira as mudanças propostas ao auxílio-doença.

O texto enviado pela presidente Dilma e aprovado em comissão determina que a empresa pague ao empregado os 30 primeiros dias de afastamento em caso de incapacitação temporária por doença ou acidente. Depois disso, o salário fica a cargo do INSS.

Antes da medida, a empresa ficava responsável por 15 dias de salário quando o funcionário está de atestado médico, regra que a emenda aprovada retoma.

O placar foi apertado. O governo perdeu por nove votos -foram 229 votos a favor da emenda e 220 contra.

Apesar de ter aprovado a medida provisória, que vai no sentido de cortar gastos e readequar benefícios sociais, esses revés podem comprometer o ajuste fiscal pretendido pelo governo, que já recuou em vários pontos para ter o pacote de medidas aprovado no Congresso.

Da Redação do blog do Edy.com.br

Policiais civis decidem paralisar atividades por 24 horas na próxima terça-feira

0

Os policiais civis de Pernambuco decidiram fazer uma paralisação de 24 horas, na próxima terça-feira (19). Serviços como a emissão de documentos e a confecção de boletins de ocorrência serão suspensos, sendo mantidos os flagrantes nas delegacias. A decisão foi tomada em assembleia da categoria, realizada no início da noite desta quarta (13), na frente do Palácio do Campo das Princesas, no bairro de Santo Antônio, na área central do Recife.

A votação ocorreu após uma reunião com os secretários-executivos da Casa Civil Marcelo Canuto e André Campos. O objetivo foi tratar da pauta de reivindicações, entregue no dia 30 de janeiro. Os manifestantes reivindicaram demandas como a equiparação da gratificação com a recebida por delegados. Conforme a entidade sindical, os titulares das delegacias recebem 225% sobre o salário. A categoria também pediu melhores condições de trabalho e equipamentos, além de alterações no Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos. “A Polícia Civil está em colapso. Os inquéritos estão se acumulando. Enquanto isso, os bandidos estão soltos”, declarou o presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol-PE), Áureo Cisneiros.

À tarde, antes da decisão pela paralisação, cerca de mil pessoas, entre policiais civis e representantes de outras categorias, realizaram uma passeata pelas principais ruas e avenidas da área central da Cidade. O ato teve concentração em frente à sede do Sinpol-PE, em Santo Amaro, passando pela avenida Cruz Cabugá, rua do Hospício e avenida Conde da Boa Vista. O trânsito ficou complicado na região. As centrais Intersindical e CUT participaram da mobilização em solidariedade aos policiais.

De acordo com a assessoria de imprensa da Casa Civil, o secretário Marcelo Canuto ressaltou a disposição da atual gestão em manter diálogo com a categoria. O gestor informou que, mesmo com a data-base da classe programada para junho, todos os pontos da pauta serão aprofundados por comissões temáticas formadas pelas Secretarias de Defesa Social (SDS), de Administração (SAD) e da Fazenda (Sefaz), de modo a avaliar o impacto financeiro das reivindicações.

Da Redação do Blog do Edy.com.br

Policlínica será inaugurada nesta quinta-feira em comemoração aos 112 anos de Ouricuri

0

meQuem reside em Ouricuri tem mais um motivo para comemorar. Neste dia 14 de maio, data em que o município completa 112 anos de emancipação política, o Prefeito Cezar de Preto inaugura a Policlínica Helena Alencar Barreto, a qual ofertará 18 especialidades médicas.

A inauguração acontece às 18h no prédio da Policlínica localizada na  Rua Sinésio Coelho no bairro Ipsep, atrás do Sassepe. O espaço ofertará a população atendimentos nas áreas de Psicologia; Fonoaudiologia; Cardiologia; Neurologia; Reumatologia; Otorrinolaringologia; Ultrassonografia; Nutrição; Endocrinologia; Pediatria; Ginecologia; Obstetrícia; Audiometria; Oftalmologia; Ortopedia; Laboratório de Prótese Dentária; Urologia e Fisioterapia.

Da Redação do Blog do Edy.com.br/ASCOM

Seca já causou prejuízo superior a R$ 2 bilhões para produtores em Pernambuco

0

O deputado estadual Miguel Coelho (PSB) alertou, nesta terça-feira (12), sobre os prejuízos causados pela estiagem aos produtores pernambucanos. O parlamentar elencou uma série de números relacionados à morte de rebanhos de bovinos, caprinos e ovinos, além da diminuição da criação de aves no estado motivada pela falta de chuvas nos últimos quatro anos.

Segundo relatório da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro), de 2012 até agora, os produtores dessas cadeias já arcam com um prejuízo de R$ 2,1 bilhões em decorrência de perdas de rebanhos. O levantamento ainda mostra que pelo menos nove mil criadores de gado já abandonaram a atividade por conta da estiagem. O quadro se agrava com a diminuição da taxa de natalidade dos bovinos nos últimos anos.

Miguel também citou os prejuízos causados à caprinovinocultura, que foi reduzida em 250 mil cabeças e hoje totaliza 5,1 milhões de caprinos e ovinos em Pernambuco. “Diante desse quadro, nós vemos uma grave crise decorrente da seca que precisa ser enfrentada. Os prejuízos para produtores de gado, ovinos e caprinos são superiores a R$ 2 bilhões. Isso sem contar os danos que já foram provocados à avicultura, que emprega mais de 150 mil pessoas”, contabilizou o socialista.

Para tratar sobre os efeitos da estiagem para os produtores de caprinos e ovinos do estado o deputado solicitou uma audiência pública. O debate será realizado, em Dormentes, no dia 22 de maio, quando inicia a Caprishow, maior evento de caprinovinocultura de Pernambuco.

​Da Redação do Blog do Edy.com.br/ASCOM/Foto: João Bita

BANNER POST 8